Lares ilegais: ajude-nos a combater este flagelo

Lares ilegais: ajude-nos a combater este flagelo

Um dos deveres dos enfermeiros consiste em «comunicar os factos de que tenham conhecimento e possam comprometer a dignidade da profissão ou a saúde dos indivíduos», além dos que «sejam susceptíveis de violar as normas legais do exercício da profissão».

O próprio Instituto da Segurança Social fez um apelo à Ordem dos Enfermeiros (OE) para que sensibilize os seus membros a não prestarem cuidados em lares ilegais.

Essas instituições não respeitam os requisitos legais para funcionarem – muitas vezes por questões burocráticas, outras por situações graves. Oferecem não tão raramente más condições de segurança, conforto e higiene aos seus utentes – sendo locais onde por vezes ocorrem casos de maus-tratos completamente atentatórios à dignidade humana. Certamente que também não oferecerão condições condizentes com uma prática da Enfermagem em total segurança.

Por tudo isto, é imperativo que os enfermeiros não pactuem com este flagelo. Os membros da OE devem, pois, declinar propostas oriundas de lares ilegais e denunciar a sua existência. Assim não serão coniventes com os transgressores nem com as ilegalidades praticadas.

Recordamos que a credibilidade e dignidade da profissão poderá estar em causa sempre que um lar ilegal apresenta como critério de qualidade e confiança a disponibilização de cuidados de Enfermagem.

Para que possa, com todo o conforto e rapidez, identificar infratores e infrações, faça uso do espaço «Enfermeiros Alerta», disponível na homepage do site da OE.

Também poderá recorrer aos serviços do Instituto da Segurança Social, IP.
 
Ajude-nos a melhorar a qualidade de vida daqueles que tudo nos deram e que merecem viver a derradeira fase das suas vidas em condições condignas.

Colabore!

Em simultâneo, a OE recorda aos seus membros a existência do Gabinete de Apoio à Inserção Profissional e Empreendedorismo (GAIPE) – estrutura que poderá ajudar todos aqueles que queiram apostar na criação do seu próprio emprego.

Os colegas empreendedores que pretenderem constituir um lar para idosos ou investir numa iniciativa inovadora em Enfermagem devem entrar em contacto com o gabinete através de gaipe@ordemenfermeiros.pt.

O empreendedorismo é dos vértices do triângulo que «enforma» a qualificação e a promoção do desenvolvimento profissional, a par com formação e a investigação. Seja arrojado, procure novas soluções profissionais!

lneves