Profissionais de Saúde com a melhor avaliação no combate à pandemia

  • 29-06-2020

Os profissionais de Saúde recolhem a avaliação mais elevada dos portugueses na apreciação sobre a forma como o País enfrentou a pandemia da Covid-19: 97,5% consideram que estes profissionais, Enfermeiros, médicos e auxiliares, estiveram muito bem e bem na luta contra o coronavírus.

 

Os resultados são de uma sondagem da Intercampus, realizada para o Jornal de Negócios e o Correio da Manhã, que avaliou também a prestação do Presidente da República, primeiro-ministro, ministra da Saúde, SNS e a DGS.

 

Entre todos, os profissionais de Saúde receberam a melhor avaliação dos portugueses: 77% dos inquiridos consideram que estiveram ‘muito bem’ e 20,5% responderam ‘bem’.

Atrás dos profissionais, o SNS recebeu a segunda melhor avaliação, avaliado positivamente por 87,7% dos portugueses. Só depois dos profissionais e do SNS surgem os restantes alvos da sondagem, primeiro-ministro, Presidente da República e ministra da Saúde, respectivamente, e, por último, a DGS, que recolheu a pior avaliação, com um terço dos inquiridos a considerarem que a instituição liderada por Graça Freitas esteve ‘menos bem’ neste período. Entre os responsáveis políticos, a ministra recebe a pior avaliação quando comparada com o primeiro-ministro e o Presidente: 27,4% dão-lhe nota negativa e 71,5% nota positiva, contra 80,5% de Marcelo e 84,6 de António Costa.  

 

Consulte aqui a notícia: 

https://www.jornaldenegocios.pt/economia/coronavirus/detalhe/sondagem-costa-foi-o-que-responsavel-politico-que-esteve-melhor-no-combate-a-pandemia