Normas para implementação de Prova de Comunicação Linguística

 

 

 

As normas destinadas à implementação e realização de Prova de Comunicação Linguística foram aprovadas pelo Conselho Directivo, ouvido o Conselho de Enfermagem, das quais se destacam os seguintes aspectos:

 

  • A Prova de Comunicação Linguística tem por fim a inscrição de requerentes na OE como Enfermeiro e Enfermeiro Especialista, destina-se aos requerentes em processos de inscrição na OE que não tenham feito a sua formação geral ou especializada em Enfermagem em instituição de ensino superior portuguesa e deve contemplar a avaliação da compreensão oral e da compreensão escrita;

  • Para efeitos de elaboração, aplicação e avaliação da Prova de Comunicação Linguística, a OE identificou como mais adequado o sistema de avaliação do Português - língua estrangeira, da responsabilidade do Centro de Avaliação do Português Língua Estrangeira (CAPLE);

  • A certificação deve corresponder, no mínimo, ao nível C1 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas, do Conselho da Europa, sendo reconhecido, para o efeito, o Diploma Avançado de Português Língua Estrangeira (DAPLE), que reconhece um nível avançado de conhecimento do português e o Diploma Universitário de Português Língua Estrangeira (DUPLE), que reconhece um nível superior de conhecimento do português.

  • Os exames DAPLE e DUPLE podem ser realizados através da rede de Locais para Aplicação e Promoção de Exames (LAPE) de Português como língua estrangeira, com mais de 100 locais no mundo disponíveis para consulta em http://caple.letras.ulisboa.pt/centers/index;

Regulamento de Prova de Comunicação Linguística e Procedimento de Controlo Linguístico

 

Orientações para Procedimento de Controlo Linguístico

 

 

DJ/CF- CD/LB - GCI/LCN