Bem-vindo à página da Ordem dos Enfermeiros

Apoio à navegação

Tem à sua disposição 2 elementos auxiliares de navegação: motor de pesquisa (tecla 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Página Inicial da Secção Regional do Sul
Pesquisar
Ignorar hiperligações de navegação
A Secção Regional
Contactos
Membros
Informação
Noticias SRSul
Imprensa Diária
Protocolos
Ligações de Interesse
Estabelecimentos de Ensino de Enfermagem
Legislação
Eventos da SR
Agenda
Parcerias
 

Informação

Imprimir página
Informação 
20-06-2012 
Reunião da SRSul com Conselho de Administração do CHLCentral 

“A Secção Regional do Sul da Ordem dos Enfermeiros reuniu ontem (19 de Junho) com o Conselho de Administração do Centro Hospitalar de Lisboa Central, no âmbito do acompanhamento do exercício profissional.

O Presidente do Conselho Diretivo da Secção Regional do Sul Enfermeiro Alexandre Tomás, apresentou as principais linhas programáticas do plano de atividades aprovado em Assembleia Regional, para 2012.

Reforçou a imperiosa necessidade de desenvolver um trabalho conjunto com o objetivo de estabelecer uma relação direta e inequívoca entre, «atividades autónomas dos enfermeiros», «resultados sensíveis a essas atividades», «indicadores de desempenho» e respetiva «integração nos modelos de financiamento» das Unidades Prestadoras de Cuidados de Saúde, nomeadamente Hospitais.

O Conselho de Administração congratulou-se com a importância que a SRS atribui à consolidação do Programa Padrões de Qualidade dos Cuidados de Enfermagem (PPQCE), bem como com a relevância que os atuais membros dos órgãos atribuem á implementação do Modelo de Desenvolvimento Profissional (MDP).

Sobre os desafios que se colocam ao Centro Hospitalar de Lisboa Central os elementos da Secção Regional do Sul foram informados de que a “troika” viabilizou o processo de construção do Hospital de Todos os Santos, estando a abertura prevista para 2015.

Este Centro Hospitalar, que integra 6 unidades hospitalares e emprega cerca de 2400 enfermeiros, está num processo de integração de serviços e de recursos, procurando apresentar  de forma eficiente cuidados de qualidade á população.

É reconhecido que a evolução demográfica da população da cidade de Lisboa, fez emergir novas necessidades em cuidados de saúde, sendo necessário adequar a oferta de serviços a essa «nova» realidade. Mas é igualmente reconhecido que este Centro Hospitalar possuem serviços de elevada diferenciação, sendo um centro de referenciação em diversas áreas de especialidade, características que tem de ser desenvolvidas e consolidadas de forma sustentável.

Em relação ás noticias veiculadas na comunicação social sobre o encerramento da Maternidade Alfredo da Costa, os elementos da SRS reiteraram as posições já anteriormente assumidas, nomeadamente: tem de ser garantido o efetivo acesso da população aos cuidados prestados pela MAC, bem como tem de ser mantido a elevado nível de especialização dos cuidados prestados, nas áreas da Saúde Materna da Saúde Infantil.

Neste contexto, foi assumido pelo CA que existe capacidade instalada nas unidades hospitalares implicadas neste processo, concretamente: Hospital de Cascais, Hospital de S. Francisco Xavier, Hospital  de Loures, Hospital de VF Xira, Hospital de Stª Maria, bem como no Hospital D. Estefânia.

No que concerne aos recursos humanos, o Conselho de Administração assumiu o compromisso de integrar todos os Enfermeiros que atualmente exercem funções na MAC.

Estiveram presentes na reunião, Enfermeiro Alexandre Tomás, Enfermeira Miriam Almeida, Enfermeira Olga Moreira, Enfermeiro Rui Santos, Enfermeira Ana Rita Oliveira e Enfermeiro João Quintinha.

Por parte do Conselho de Administração do Centro Hospitalar Lisboa Central estiveram presentes a Dra. Teresa Sustelo Presidente do Conselho de Administração e a Senhora Enfermeira Diretora Ana Maria Soares”.

 

CDR/AT-ar 
  © 2012 Ordem dos Enfermeiros