Bem-vindo à página da Ordem dos Enfermeiros

Apoio à navegação

Tem à sua disposição 2 elementos auxiliares de navegação: motor de pesquisa (tecla 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Página Inicial da Secção Regional da R.A. dos Açores
 
Ignorar hiperligações de navegação
A Secção Regional
Membros
Informação
Notícias Regionais
Galeria de Imagens
Projectos e Programas
Eventos da SR
Agenda
Revista Enfermagem Açores
Intervenções da Secção Regional
Os Enfermeiros e...
Protocolos
Investigação
 

Informação

Imprimir página
Notícias Regionais 
13-09-2016 
Secção Regional da Região Autónoma dos Açores da Ordem dos Enfermeiros vincula 60 novos membros 
A Secção Regional da Região Autónoma dos Açores da Ordem dos Enfermeiros (SRRAA da OE) realizou domingo à tarde, no Hotel Açores Atlântico, em Ponta Delgada, a Cerimónia de Vinculação à Profissão, entregando cédulas profissionais a 60 novos enfermeiros.
Perante uma sala cheia e na hora das palavras, a Bastonária da Ordem dos Enfermeiros, Enfermeira Ana Rita Cavaco, escolheu o momento para apelar à união entre os profissionais de enfermagem em defesa da classe.
“Chegou a hora de estarmos juntos. Chegou a hora de pôr de lado divergências pontuais e conflitos pessoais. Chegou a hora de dizer ao País, a uma só voz, que chega de brincar com os enfermeiros”, afirmou.
A Bastonária da Ordem dos Enfermeiros reconheceu que o caminho a percorrer não será fácil e deixou alguns recados aos governantes nacionais.
“Os próximos tempos serão de combate duro. Está a esgotar-se o tempo das palavras. O sistema de saúde não aguenta continuar a sobreviver com cerca de 30 mil enfermeiros em falta. O senhor Ministro da Saúde sabe disso. O senhor Ministro das Finanças não quer saber”.
No final da sua intervenção, Ana Rita Cavaco deixou palavras de incentivo aos novos enfermeiros, não deixando porém de alertar para as dificuldades que estes terão de enfrentar. “Vão precisar de muita força para se impor, vão ter de aprender a dizer não muitas vezes para se protegerem individualmente e à enfermagem como classe.”
Da Mesa de Honra do evento, fizeram também parte o Secretário Regional da Saúde, Dr. Luís Cabral, em representação do Presidente do Governo Regional, e o Enfermeiro Luís Furtado, Presidente do Conselho Diretivo Regional (CDR) da SRRAA da OE.
Luís Furtado proferiu também palavras de encorajamento e realçou que a SRRAA da OE acolherá os seus novos membros de “braços abertos”, garantindo que tudo será feito para defender os enfermeiros e a classe.
“Não permitam que sentimentos de desânimo, de desalento, de descrença no futuro ofusquem o vosso caminho. Procurem, desde cedo, definir o sentido que querem dar ao vosso percurso profissional e tentem manter-se fiéis a ele. O nosso compromisso é de estarmos onde um enfermeiro estiver”, frisou Luís Furtado.
O Presidente do CDR da SRRAA da OE realçou ainda o empenho em continuar ativamente o trabalho de parceria com a Secretaria Regional da Saúde, “independentemente do novo quadro governativo que emergir das eleições legislativas de outubro próximo”. Luís Furtado dirigiu-se diretamente ao Secretário Regional da Saúde sobre a dotação segura de enfermeiros na Região, reforçando o empenho e a abertura da SRRAA da OE para resolver a situação.
“Estamos empenhados e determinados em manter todos os esforços no sentido de lhe fazer chegar a informação rigorosa relativamente ao défice de enfermeiros nos Açores. Cumpriremos a nossa parte”.
Também no passado domingo, a SRRAA da OE homenageou os Diretores das Escolas de Enfermagem da Região Autónoma dos Açores reconhecendo o papel primordial que estes desempenharam na evolução da profissão na Região.
GCI/LC/LL 
  © 2012 Ordem dos Enfermeiros