Bem-vindo à página da Ordem dos Enfermeiros

Apoio à navegação

Tem à sua disposição 2 elementos auxiliares de navegação: motor de pesquisa (tecla 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Página Inicial da Ordem dos Enfermeiros
 
Pesquisar
Ignorar hiperligações de navegação
A Ordem
A Enfermagem
Membros
Colégios
Informação
Notícias
Press Releases
Revista da OE
Resenhas de Imprensa
Newsletters
ExpressOE
Galeria de Imagens
Pareceres / Pronúncias
Tomadas de Posição
Documentos Oficiais
Legislação
Publicações
Inserção Profissional e Empreendedorismo
Relações Internacionais
Projectos e Programas
Eventos da OE
Links
Agenda
English Information
Estrutura de Idoneidades
Estrutura de Sistemas de Informação em Enfermagem
FAQ's
Benefícios para os membros
 

Informação

Imprimir página
 
16-10-2017 
Incêndios: Ordem dos Enfermeiros apela ao reforço de equipas 
 

A Ordem dos Enfermeiros apela ao Ministério da Saúde que desencadeie os meios necessários com vista ao reforço de equipas de enfermeiros nos centros de saúde e hospitais, permitindo reforçar os cuidados às populações mais afectadas pelos incêndios, no Centro e Norte do País.

É essencial que o horário dos centros de saúde seja alargado e que permaneçam abertos 24 horas por dia, como é essencial que sejam colocados no terreno especialistas em Enfermagem de Saúde Mental, como aconteceu em Junho passado, quando a Ordem, por sua iniciativa, conseguiu mobilizar mais de 400 enfermeiros em regime de voluntariado após a tragédia de Pedrógão Grande.

Num momento difícil como este, o Estado tem que assumir as suas responsabilidades e não pode ficar dependente, mais uma vez, da generosidade dos enfermeiros, muitos deles também afectados por esta tragédia.

“Temos informação de muitos enfermeiros afectados pelos incêndios deste fim-de-semana, cujas famílias foram forçadas a fugir para se salvar. Sabemos, porém, que muitos estão disponíveis para ir para o terreno. Porque os enfermeiros sabem que o seu lugar é ao lado das pessoas. Estamos juntos no apoio à população”, refere a bastonária, Ana Rita Cavaco.

 
  © 2012 Ordem dos Enfermeiros